PARTE 1 – Aprendendo a agir com resiliência e a gerenciar o estresse.

Gerenciando o Estresse

Conforme prometi no artigo “Não consegue relaxar ? Isso pode sair muito caro para você, para a empresa onde trabalha e para a economia do país.“, seguem algumas recomendações sobre como gerenciar o estresse e assim agir com maior resiliência.

Sobre o estresse.

Vale lembrar que estresse é algo natural e biológico; é uma reação físico-orgânica que ocorre em todos os “animais”. Portanto, você somente não sentirá seus efeitos se já não mais fizer parte deste mundo.

Procure entender que é normal sentir os desafios em sua vida como estando fora de seu controle. Afinal, nem sempre terá como eliminá-los.

Por outro lado, acredite: você sempre poderá controlar a maneira como irá responder, reagir a eles.

Shakespeare pontuou: “não posso escolher como me sinto (o que fazem comigo, o que acontece ao meu redor), mas posso escolher o que fazer a respeito”.

Agir com resiliência, portanto, significa “assumir o comando” – de seus pensamentos, de seus sentimentos, de sua agenda, de seu ambiente, da maneira como você lida com os problemas.

Você tem mais controle sobre sua vida do que você talvez possa imaginar.Gerenciamento do estresse

Infelizmente, muitas pessoas lidam com o estresse de uma forma que apenas compõem o problema; tais como beber demais para relaxar no final de um dia estressante, encher-se de comidas, jogar-se na frente da TV ou do computador por horas, usar pílulas para relaxar ou aliviar o estresse, atacar as outras pessoas.

No entanto, há muitas maneiras saudáveis de lidar com o estresse e seus sintomas.

Como o estresse gera problemas de saúde (corpo) e afeta nossos pensamentos (mente), sugiro duas frentes de ação para lidar com essa questão.

É preciso entender que nem todos têm uma resposta única ao estresse e que não há solução única ou mágica para lidar com ele. Nenhum método funciona para todos ou em todas as situações. Todavia, algumas regras são básicas e merecem nossa atenção:

Para o corpo

Exercício físico regular.

Exercícios físicos regularesTemos que ter em mente ser necessária a eliminação e/ou redução das substâncias produzidas pelo estresse (adrenalina e cortisol, por exemplo) e a melhor maneira para isso é pondo o corpo em movimento; ou seja, praticar atividade física.

A atividade física desempenha um papel chave na redução e prevenção dos efeitos do estresse. Nada supera o exercício aeróbio para liberar o estresse e tensão reprimida. A Organização Mundial de Saúde recomenda seja praticada, no mínimo, uma hora de atividade física semanal com alta intensidade – aquela que altera seu batimento cardíaco e literalmente faz você suar.

Alimente-se de forma saudável.

Corpos bem nutridos são mais bem preparados para lidar com o estresse. O café da manhã continua sendo a refeição mais importante do dia. Reduza a ingestão de cafeína, sal, açúcar, gordura, álcool e nicotina. Alimentação saudável significa comer com qualidade; não além do necessário.

Respeite os seus limites.Gerenciando o Estresse

Atenção aos sinais de irritabilidade. Irritação é um dos primeiros alertas do organismo.

Estresse gera cansaço (físico e mental), que gera estresse.

Não desconte sua ira em quem não merece.

Repouse !

Respeite os limites de seu corpo, observe e respeite seu relógio biológico, durma o tempo mínimo necessário ao seu bem estar e para que seu corpo se restabeleça, recupere suas energias.Gerenciamento do Estresse

A sensação de cansaço pode aumentar o estresse, assim como gerar até mesmo um imperceptível estado de irritabilidade; o que muito provavelmente o levará a pensar e agir de forma irracional. Mantenha sua calma e tranquilidade através de uma boa noite de sono. É durante o estado de repouso que se opera um verdadeiro milagre de higienização e recuperação do organismo.

Noites mal dormidas influem negativamente inclusive em nosso metabolismo.

Por hoje é só ! Continuaremos num próximo post.

Até breve.

O que achou desse artigo?

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s